busca


home | patologias | atendimento | contato

DST

Perguntas mais frequentes

Podem ocorrer doenças sexualmente transmissíveis (DST) na boca?
Sim, da mesma forma que nos genitais podem ocorrer sífilis, gonorréia, herpes e outras doenças infecciosas.

Qual a forma de contágio?
Através de relações sexuais orais, o preservativo protege da grande maioria das doenças mas não de todas. O Herpes, por exemplo, dependendo de sua localização pode ser contraído mesmo com a prática do “sexo seguro” .
 
Quando um dos parceiros apresenta lesões, a contágio é obrigatório?
Depende da doença, enquanto na sífilis a transmissão é bastante provável, no HPV ocorre em poucos casos.
 
Pode-se contrair AIDS através de sexo oral?
Apesar da AIDS provocar lesões bucais, a sua transmissão através de sexo oral (passivo ou ativo) é muito rara.
 
 
Como se diagnostica as DST na boca?  
O dentista está habilitado a diagnosticá-las. Após cuidadoso exame clinico, se o profissional achar necessário, pode realizar citologia esfoliativa, biópsia ou exames sorológicos. Em algumas DST o próprio dentista realiza o tratamento em outras é aconselhável o encaminhamento ao médico (urologista,ginecologista ou infectologista). De qualquer forma o parceiro deve ser avisado.

Veja também:

Home | DST | Câncer de Boca | Auto exame | Exames Complementares | Radioterapia | Quimioterapia | Patologias | Prof. Dr. Sérgio Kignel | A Clínica | Mídia | Contato

 
Desenvolvimento: Interpágina